Informações sobre a Maçonaria em sintonia com a sociedade

DIREITOS HUMANOS, MAÇONARIA, OPINIÃO

OS MAÇONS E A “CPI DAS FAKE NEWS”

Os Maçons Progressistas do Brasil – MPB, coletivo integrado por maçons espalhados por todo o território nacional e cujo objetivo é a discussão interna de soluções para os problemas que afligem a nossa pátria, vêm a público manifestar seu repúdio pelos indivíduos que se fazem passar por “maçons e se utilizam da inatacável respeitabilidade e responsabilidade da Ordem Maçônica com o intuito de ludibriar o povo brasileiro.

Segundo foi denunciado pela deputada Joice Hasselmann na “CPI das Fake News”, em seu depoimento no dia 04/12, houve quem, mesmo sabedor de que ninguém representa politicamente a Maçonaria, tenha contrariado todos os seculares postulados desta e aviltado sua reconhecida discrição, organizando-se de modo a expor tão venerável instituição à execração pública, na medida em que há indicações de que usou de má-fé ao propagar notícias sabidamente falsas. Com isso, conturbaram e continuam conturbando a vida democrática nacional, atacando a honorabilidade de instituições e a honra alheia, com consequências que vêm deixando marcas profundas de intolerância e discórdia em nossa sociedade e desgaste nos pilares sobre os quais se assenta o Estado de direito.
A Maçonaria, como é fato conhecido, preza pelo rigor ético e moral na conduta de seus integrantes e é por isso – só por isso, já que conta, como únicos recursos, com o homem e seu saber – que é considerada um dos esteios da humanidade no que tange à guarda da Liberdade e ao combate à tirania, à ignorância, aos preconceitos e erros, sendo reconhecida ao longo da história como intransigente defensora da Justiça e da Verdade e promotora do bem-estar dos povos, acima de fronteiras e de raças.
        Inversamente, aqueles denunciados pela deputada citada, erguem ardilosos monumentos à ignorância e cultuam a mentira, porquanto dolosamente difundem inverdades, merecendo o mais veemente combate!
        [su_quote]Assim sendo, é preciso que fique patente que a burla dos mais básicos preceitos de civilidade não é justificável em nenhuma hipótese e jamais encontrará acolhida no seio do corpo maçônico.[/su_quote]
        A par disso, o inconsequente grupo militante no mundo virtual, com larga influência nas redes sociais, precisa ser refutado pelas Obediências e Potências Maçônicas a bem de nossa veneranda Ordem e resguardo de sua imaculável honorabilidade!
        É o que tínhamos.

 Coordenação dos Maçons Progressistas do Brasil – MPB

1 Comment

  1. Nelson Marcolino da Silva

    O que se ver muitos são verdadeiros hipócritas querendo tirar proveito de tudo quando estão pendurado nas tetas da União município etc.agora como lobos em peles de cordeiros se infiltram nós grupos de progressistas que lutam para tentar salvar um país corrupto por malditos milicianos.

Leave a Reply